Entendendo o Ano Novo Chinês: 3 – Os 12 Animais

Entendendo o Ano Novo Chinês 3 – Os 12 Animais

O calendário chinês é um Calendário Lunar. É um antigo sistema de medição do tempo que segue os ciclos da lua. É significativamente diferente do calendário gregoriano, que é baseado no sol e amplamente utilizado em todo o mundo hoje. 

The Chinese calendar Basic Framework: Moon Cycles
Estrutura Básica do Calendário Chinês: Ciclos da Lua

O calendário chinês é primordialmente baseado no ciclo lunar, que é o tempo que a lua leva para completar uma órbita ao redor da Terra e passar por suas fases (da lua nova à lua cheia e de volta à lua nova). Esse ciclo leva cerca de 29,5 dias, então um mês lunar típico no calendário chinês varia entre 29 e 30 dias. 

O Início do Ano

O Ano Novo Chinês geralmente começa com a lua nova que ocorre mais próxima do início da primavera. Devido à sua dependência do ciclo lunar e dos termos solares, a data de início do Ano Novo Chinês varia a cada ano quando comparada ao calendário gregoriano. Isso geralmente acontece entre 21 de janeiro e 20 de fevereiro no calendário gregoriano. 

Precisão e Meses Intercalares

Meses Bissextos

Para manter o calendário lunar sincronizado com o ano solar, um mês extra (um mês intercalar ou bissexto) é adicionado aproximadamente a cada três anos. Esse ajuste garante que festivais importantes (como o Ano Novo Chinês) sempre ocorram em suas estações apropriadas.

A complexidade do calendário chinês e seu significado cultural o tornam um exemplo fascinante de como diferentes culturas desenvolveram sistemas para marcar o tempo, cada um adequado às suas necessidades históricas, astronômicas e agrícolas específicas. 

O Zodíaco Chinês

Em nossa jornada através do rico mosaico do Ano Novo Chinês, chegamos a um de seus aspectos mais cativantes: o Zodíaco Chinês. Este antigo sistema, entrelaçado no tecido cultural da China e de outros países do Leste Asiático, apresenta um ciclo de 12 anos, cada ano representado por um animal específico. Esses animais não são meros símbolos; eles carregam significados profundos e histórias que refletem traços humanos e destinos. 

The 12 Animals of the Chinese Zodiac
Um Ciclo de 12 Anos, Cada Ano Representado por um Animal Específico

Cada animal no Zodíaco Chinês não apenas caracteriza aqueles nascidos em seu ano, mas também influencia os eventos e desenvolvimentos daquele ano. Compreender os traços associados a esses animais fornece insights sobre traços de personalidade, escolhas de vida e relacionamentos. 

Os Doze Animais do Zodíaco Chinês

Abaixo estão os doze animais em sua ordem tradicional:

  1. Rato ( – Shǔ)
    Simbolizando inteligência e adaptabilidade, o Rato marca o início do ciclo do zodíaco. Pessoas nascidas no Ano do Rato são frequentemente vistas como perspicazes e engenhosas.
  2. Boi ( – Niú)
    O Boi, que encarna força e confiabilidade, é conhecido por sua diligência e determinação. Aqueles nascidos sob este signo são frequentemente percebidos como fortes e confiáveis.
  3. Tigre ( – Hǔ)
    O Tigre, representando bravura e competitividade, é um dos animais mais reverenciados no zodíaco. Pessoas nascidas no Ano do Tigre são frequentemente carismáticas e aventureiras.
  4. Coelho ( – Tù)
    Simbolizando elegância e compaixão, o Coelho é um signo de paz e longevidade. Aqueles nascidos neste ano são frequentemente vistos como gentis e empáticos.
  5. Dragão ( – Lóng
    O Dragão, um emblema de poder e sorte, é a única criatura mítica no zodíaco. Indivíduos nascidos no Ano do Dragão são frequentemente vistos como ambiciosos e determinados.
  6. Cobra ( – Shé)
    Simbolizando sabedoria e intuição, a Cobra é frequentemente associada ao pensamento profundo e espiritualidade. Pessoas nascidas neste ano são vistas como reflexivas e misteriosas.
  7. Cavalo ( – Mǎ)
    Representando energia e liberdade, o Cavalo é conhecido por sua forte motivação e atitude positiva. Aqueles nascidos sob este signo são frequentemente energéticos e independentes.
  8. Cabra ( – Yáng)
    Simbolizando criatividade e calma, a Cabra está associada à paz e ao talento artístico. Indivíduos nascidos no Ano da Cabra são frequentemente vistos como gentis e reflexivos.
  9. Macaco ( – Hóu)
    O Macaco, representando astúcia e curiosidade, é conhecido por sua natureza brincalhona e inventiva. Pessoas nascidas neste ano são frequentemente vistas como perspicazes e versáteis.
  10. Galo ( – Jī)
    Simbolizando confiança e pontualidade, o Galo é conhecido por sua natureza trabalhadora e precisa. Aqueles nascidos sob este signo são frequentemente vistos como organizados e autoconfiantes.
  11. Cão ( – Gǒu)
    Representando lealdade e honestidade, o Cão é um símbolo de fidelidade e franqueza. Pessoas nascidas neste ano são vistas como confiáveis e dignas de confiança.
  12. Porco ( – Zhū)
    O Porco, simbolizando riqueza e generosidade, é conhecido por sua bondade e tolerância. Indivíduos nascidos no Ano do Porco são frequentemente generosos e compassivos. 

A ordem dos 12 animais – A História

A história por trás da ordem dos 12 animais no Zodíaco Chinês é uma das mais encantadoras contos do folclore chinês. É sobre uma corrida organizada pelo Imperador de Jade, o governante do céu na mitologia chinesa, para selecionar os animais para os signos do zodíaco. A história varia ligeiramente em diferentes versões, mas aqui está a mais comumente contada: 

O Imperador de Jade anunciou que a ordem do zodíaco seria decidida pela ordem em que os animais chegassem ao seu palácio. No dia da corrida, todos os animais se alinharam na margem do rio.

O Rato, sendo astuto, mas não um bom nadador, pediu uma carona ao bondoso Boi. O Boi concordou, e eles partiram. Quando estavam prestes a chegar ao outro lado, o Rato saltou das costas do Boi e correu para a linha de chegada, chegando primeiro. Assim, o Rato tornou-se o primeiro animal do zodíaco.

O diligente Boi chegou em segundo. O Tigre, extraindo toda a sua força, conseguiu lutar contra as correntes e chegou em terceiro.

O Coelho, também não sendo um bom nadador, encontrou um tronco flutuante e pulou sobre ele para chegar em quarto.

O Dragão, que poderia ter voado diretamente para a linha de chegada, chegou em quinto. Explicou ao Imperador de Jade que teve que parar e fazer chover para ajudar as pessoas e criaturas na terra, e também ajudou o Coelho soprando uma brisa para empurrar o tronco para a margem.

A seguir veio o Cavalo, galopando em direção à linha de chegada, mas foi ultrapassado no último momento pela Cobra, que havia se escondido no casco do Cavalo, assim a Cobra deslizou para tomar o sexto lugar, deixando o Cavalo em sétimo.

A Cabra, o Macaco e o Galo trabalharam juntos para atravessar o rio e chegaram ao mesmo tempo. O Imperador de Jade ficou impressionado com o trabalho em equipe deles e colocou a Cabra em oitavo, o Macaco em nono e o Galo em décimo.

O brincalhão Cão, apesar de ser um bom nadador, estava muito ocupado brincando na água e chegou em décimo primeiro.

Por último, chegou o Porco. Ele havia parado para comer e tirar uma soneca, terminando a corrida em décimo segundo lugar.

Assim, foi estabelecida a ordem dos animais no Zodíaco Chinês. 

Cada animal agora representa um ano em um ciclo de 12 anos, e diz-se que as características de uma pessoa são influenciadas pelo animal do seu ano de nascimento.

Fique ligado para o nosso próximo post, onde exploraremos os Cinco Elementos na Astrologia Chinesa, estabelecendo a base para uma compreensão mais profunda deste festival extraordinário.

Atenciosamente (保拳礼, Bǎo Quán Lǐ),

Shifu Roberto Baptista 

Scroll to Top